Fontes Liberadas

Um problema muito chato de quem faz documentos e apresentações no OpenOffice no Linux e vai abrir no windows (seja no openoffice ou no ms office), ou que tenta abrir no Linux algo feito no windows, é que algumas vezes tudo aparece fora de lugar.
Não é devido a incompatibilidades ou coisas assim, apenas o fato de as fontes mais comuns (Arial, Times New Roman e Courier New) são propriedade da microsoft e como de costume não podem ser redistribuídas livremente. No linux você encontrará as equivalentes da família Bitstream, que são parecidas mas não usam a mesma métrica das suas primas microsoftianas, o que gera coisas fora de lugar.
A solução normal para isso era instalar as fontes da MS. No Debian/Ubuntu basta um apt-get install msttcorefonts, que esse pacote baixa os pacotes do site da microsoft, descompacta e coloca no lugar pra você.
A Red Hat forneceu uma terceira opção: liberou um conjunto de fontes chamado Liberation, com aparência similar e a mesma métrica das Arial, Times New Roman e Courier New.
Uma grande ajuda, que vocês podem conferir aqui: https://www.redhat.com/promo/fonts/

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s