Escolas São Prisões

Quando passei para terceira série, meus pais me tiraram da pequena e simpática escola particular onde tinha estudado até então, e me matricularam numa escola pública municipal, onde viria a aprender as mais importantes lições da minha vida. Muito melhor que preparo pro vestibular, não acha?A primeira e maior delas foi na aula de matemática. Tinha um aluno, que não lembro o nome, mas lembro que não era muito inteligente, sempre se enrolava quando era chamado pra resolver alguma questão, talvez fosse só nervosismo. Um dia a professora colocou uma conta de subtrair no quadro e chamou o fulano. Ele ficou olhando nervoso pra conta, estava completamente tenso e não mexia um dedo.

A professora em questão, tinha uma imutável cara de raiva. Quero dizer, mudava sim, mas só a intensidade, indo de insatisfação pra ódio. Num dado momento ela cansou de esperar o resultado sair da cabeça do cara e usou a técnica número um do livro de crueldades do professor: chamar outra pessoa pra resolver alguma coisa do lado do aluno empancado, tornando seu ego em migalhas; declarando com esse ritual o retardamento da vítima para toda classe. E dessa vez o executor escolhido fui eu.

Depois de resolver uma conta similar do lado dele, fiquei lá olhando pro fulano, a cara raivosa da professora como pano de fundo. Eu lembro muito bem dos olhos arregalados que não saiam do quadro, era como se ele estivesse vendo um buraco negro. A professora cansou de esperar e cobrou uma resposta. Ele levantou a mão trêmula e colocou a resposta errada. A raiva da professora virou ódio, então ela agarrou os cabelos dele e usou sua cara como apagador. Eu assistia aquilo tudo hipnotizado, mais próximo que qualquer outro. Então fomos dispensados, eu pra ficar sentado pensando e o cara pra abaixar a cabeça e chorar no lugar dele.

Nunca esqueci a lição: não deixe que os professores/autoridades te peguem, avaliações são perigosas. Aprenderia outras ao longo dos anos. Em retrospectiva, não me admira eu ter fugido da escola no primeiro ano do segundo grau.

“Those 13 years in prison
Didn’t teach me how to love
They say they have their reasons
All coming from above
You can forget the seasons inside your factory
There’s one thing they can’t teach you is how to feel free
And stand alone in a beautiful world
We have to respond…
Schools are prisons
Forget the seasons
Schools are prisons”

Sex Pistols, Schools Are Prisons

2 pensamentos sobre “Escolas São Prisões

  1. meu filho irá decidir se irá estudar , caso deseje estudar, poderá ser em casa ou na prisão(escola)
    foda-se a escola, perda de tempo, enche de merda a cabeça dos jovens em formação
    MALDITO seja os diretores e donos das escolas( a maioria, salvo exceções)….
    Ensinam que o professor/diretor/etc é superior á você, e seu dever é obedecê-los, mesmo que vc n seja culpado….
    Uniforme????/ coisa mais ridicula, por favor jovens, contestem toda autoridade nesse sistema de merda
    abraços

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s